sexta-feira, 13 de julho de 2012

Seja a própria bênção


Deixe-me ensiná-los a obter os benefícios da sua fé. Tudo depende do seu pensamento. Por exemplo, quando os pais querem garantir o futuro do filho, eles investem nos estudos. E quando a pessoa entra numa faculdade, ela usa a mente. O futuro daquele jovem vai depender do seu pensar. Quando ele assimila os conhecimentos técnicos e coloca em prática, se torna um bom profissional. É exatamente isso que Deus quer fazer com você. Ele quer que você use sua razão porque Deus é sabedoria. Ele criou o ser humano com capacidade de raciocínio, mas se a pessoa é emotiva, dá vazão ao coração, aí Deus não pode falar com ela.



Quando você ouve a palavra de Deus e coloca em prática, o resultado vem. Foi o que aconteceu com Abraão. Ele ouviu uma voz, ele não viu Deus. Mas onde Deus falou com ele? Foi no coração? Não, Deus falou no seu intelecto. Ele fala conosco quando meditamos na palavra de Deus.


Só para você ter uma ideia, antigamente os brancos escravizavam os negros, e os brancos conversavam entre si: "A gente não pode deixar o negro pensar, porque no dia em que ele pensar, vai deixar de ser escravo." O diabo não quer que você pense. Você estará fadado à maldição para o resto da vida enquanto ouvir a voz do coração.


Deus tinha prometido a Abraão que ele seria pai de numerosas nações, porém, quase 25 anos depois, Abraão pergunta para Deus: "Senhor Deus, que me haverás de dar, se continuo sem filhos (...)?" (Gênesis 15.2) Ele usou a inteligência. Às vezes você está olhando só para o seu problema, mas Deus quer que você brilhe. Ele quer fazer de você a própria bênção.


Deus abençoe a todos.

Um comentário:

  1. Sim, precisamente é verdade. Quantos males a humanidade sofre por usar a emoção que provém do coração. A emoção é apenas sentimento, e este encobre a verdadeira razão, perdendo-se o foco do objetivo, desvia-nos sempre, procurando "razões sentimentais", provindas do coração, centradas no problema, que geram o fracasso, diferentes das razões intelectuais, provindas do cérebro, centro do raciocínio e inteligência, que materializam a solução (bênção), pois antevê a certeza da vitória. Assim foi com Abraão. Deus abençoe a todos.

    Lourdes
    Jd. Novo Santo Amaro

    ResponderExcluir