segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Agora, se você insiste em ser intolerante e vive criticando o parceiro,

Saiba como destruir o seu relacionamento a dois

Erros comuns e atitudes impensadas são mais frequentes do que imaginamos








Que ninguém é perfeito todo mundo sabe, mas algumas pessoas, de tão intransigentes que são em seus relacionamentos, acabam estragando tudo com atitudes que poderiam ser evitadas.
Não dá para ser 100% em nenhum relacionamento, mas dá, sim, para oferecer o melhor de si, a fim de fazer o parceiro feliz. E ser feliz também, claro.
Agora, se você insiste em ser intolerante e vive criticando o parceiro, saiba que é um forte candidato a ver o seu relacionamento naufragar.
Outro grande destruidor de casais é a opinião alheia: sabe quando o seu marido fala e você, sequer, dá importância ao que ele pensa, ignorando-o? Ou seja, prefere dar ouvidos a terceiros a ouvir o palpite dele? Então: aí está um erro grave cometido em grande escala que acaba minando, aos poucos, o seu relacionamento.
A falta de reconhecimento de um para com o outro é mais um grande problema encontrado entre os casais. Ou seja, a pessoa faz, faz e não recebe sequer um elogio ou um carinho pelas coisas boas que fez. Isso é inadmissível e causa, sem dúvida alguma, um grande desgaste na relação.
Gritar, ao invés de conversar – ou mesmo não conversar –, reclamar o tempo todo, não aceitar carinho (e não dar), bem como criticar o parceiro na frente dos outros são detalhes tão graves que, quando unidos, acabam sufocando qualquer relacionamento. A destruição é dada como certa.
Outro meio fácil de deixar a relação escapar como água entre os dedos é deixar de fazer coisas legais ao lado do marido ou da esposa com a desculpa da falta de tempo, grande vilã nos dias de hoje. Isso tem desgastado o carinho que um tem pelo outro e levado a vida a dois à ruína.
Traição
Já a infidelidade segue no topo da decadência amorosa. Não há nada mais terrível e triste do que ser traído por alguém em quem você depositou sua confiança e com quem construiu sonhos e projetos. Uma coisa é certa: poucos relacionamentos sobrevivem a uma traição. É tão grave que a própria Bíblia faz menção ao adultério como algo abominável aos olhos de Deus.
Como você pôde perceber, detalhes como esses são facilmente identificados no dia a dia de muitos casais. Se eles já fazem parte da sua vida, então, muita atenção: se não forem extirpados o mais breve possível, certamente, o seu relacionamento está fadado ao fracasso.

UNIVERSAL NA FUNDAÇÃO CASA

Nesta ultima quinta feira, voluntários da IURD estiveram presentes, na Fundação Casa Vila Leopoldina, realizando um grande debate sobre drogas e suas conseqüências,
Para abençoar a unidade esteve presente, o Pastor Geraldo Vilhena Coordenador de evangelização, nas unidades da Fundação Casa de São Paulo, fez uma oração, na qual abençoou a unidade, os adolescente, e funcionários, na oração pediu a Deus que cada adolescente pudesse ter um encontro com Deus.
Em seguida chamou os palestrantes para que pudessem desenvolver o debate.






O primeiro que falou foi o palestrante Robson de Moraes. Disse ele, eu gostaria, de deixar três coisas bem claras eu não vim julgar ninguém, eu vim simplesmente
Alertar vocês do mundo que tive a atras, eu quero que você pergunteesclareça suas duvida em relação as drogas.
adolescente pergunta:como você entrou no mundo das drogas,e qual foi sua primeira experiência?
Robson responde tudo aconteceu na minha vida por falta de esclarecimento, no tempo de escola com 13 anos,hoje eu não tenho um pedaço do meu corpo em conseqüência das drogas, infelizmente por pura curiosidade a minha primeira experiência foi com cocaína quando o amargo desce os dentes encavalam, a cocaína ela te da um ar de heroísmo, e você fica disposto a tudo.
Nelci Paiva pergunta: Cristiano quais foram suas experiências com as drogas?
Cristiano responde: Passei maus bocados por causa das drogas já experimente de tudo até êxtase, Quando a droga entra no organismo ela faz uma devastação, você perde totalmente a noção do que é certo ou errado, eu cheguei em um nível bem perto da morte.
José Maria Pergunta: É você Cristina como foi a sua experiência com as drogas?
Cristina responde: Passei pelo vale da sombra e da morte. Vivi um inferno, já passei pela Fundação Casa porque matei um policial, a minha experiência com as drogas foi a pior de todas já tomei até back, Em certas loucuras eu matava pelo simples prazer, sentia até gosto de sangue na boca,
Adolescente pergunta: Sra Cristina qual foi o momento mais difícil da sua vida?
Cristina responde: Foi quando vi minha mãe ser esquartejada pelos bandidos cortaram ela em pedaços e atearam fogo. Pois ela também era do mundo do crime.
Dimas Eugênio coordenador pergunta: O crime ele é ilusão e compensa?
Robson responde: O crime ele te dá prazer mais ao mesmo tempo ele te da uma rasteira.
Nelci pergunta você já colocou a sua família em risco?
Robson responde:
Sim ficava muito agressivo dentro de casa chegando ao ponto de colocar minha mãe em risco. Roubei um carro sem saber que era de um policial, os policiais foram atrás De mim na minha casa. arrebentaram a porta para me matar.Minha mãe ficou na minha Frente abriu a camisola e disse para o policial para matar meu filho vai ter que atirar em mim primeiro. Então um olhou para outro e disse que lá fora tinha muita gente e foram Embora sem atirar em mim.
Dimas coordenador pergunta: A droga ela está relacionada a dinheiro, vocês mais ganharam dinheiro ou gastaram?
Resposta: todos riram pois o dinheiro escoria pelo ralo.
Adolescente pergunta: vocês já tiveram overdose?
Resposta: os quatro já passaram por overdose.
Adolescente pergunta: Qual a cena que mais marcou no mundo do crime?
Robson responde:
Foi quando um jovem foi mandado comprar a droga, para um outro do grupo Mas quando ele voltou com a droga ele tinha usado um pouco. e quando chegou O que tinha mandado comprar percebeu e



O que mais me chamou a atenção foi o desabafo de um adolescente, disse: que aos treze anos de idade queria ganhar muito dinheiro e foi até ao candomblé fez um pacto com o mal e começou a ganhar muito dinheiro, e no decorrer do tempo foi perdendo tudo, e com isso começou a roubar, em uma dessas se deu mal e foi parar na Fundação Casa. Robson, convida o jovem que fez o pacto com o mal para fazer dessa vez um pacto com Deus, assim como ele fez um pacto com o diabo e o diabo destruiu sua vida, Deus irá reconstruir novamente. Após o debate Robson Moraes fez uma oração de libertação , para que cada adolescente com a ajuda de Deus reconstruísse suas vidas longes das drogas, e só isso é possível com a ajuda de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário